Você pode ser banido do Facebook

Banido

É estranho pensar que uma rede social pode expulsar você? Bem, se você não se comportar…

Na verdade o Facebook possui algumas regras para as Fan Pages (para os perfis também, mas isso já é outra história) e essas regras, quando violadas podem levar a Página a ser bloqueada ou deletada da Redes Social.

Sabe aquele item que todo mundo marca como “Li e Concordo com os Termos”?

Pois é, se você não leu e concordou, chegou a hora de você tomar conhecimento de algumas coisas que você, definitivamente, não pode fazer na sua Fan Page.

Afinal, depois de tanto trabalho para conseguir fãs, para divulgar sua página e torná-la conhecida, já pensou perder tudo isso? Não? Então confira se você está quebrando algumas das regras abaixo:

É proibido nass fotos de capa:

  • Informações de preços;
  • Informações de venda;
  • CTA (Call to action) que instiguem o visitante a clicar em algum lugar ou com setas para as APPs);
  • Informações de contato (endereço do site, e-mail ou qualquer informação que deveria constar na seção “Sobre”);
  • Qualquer referência a recursos do Facebook, como “Curtir” ou “Compartilhar”.

Estas ações devem ser evitadas se você não quiser correr o risco de ser banido do Facebook.

Caso queira fazer alguma promoção ou ofertas, recomendo que você utilize aplicativos próprios para isso, existem vários no próprio Faceboook.

Use sua foto de capa para mostrar mais sobre sua empresa, comemorar datas e eventos ou divertir seus visitantes. Assim:

sua-campanha-primeiro-aniversário

Nada impede que você utilize uma foto ou fotos de seus produtos, desde que mantenha a foto simples e sem nenhum texto que cite algum dos itens acima.

Boa sorte!

Mídias Sociais… Você sabia? – Parte IV

linkedIn

O LinkedIn pode parecer a você uma Mídia Social completamente fora do seu interesse, mas na verdade, se você é um profissional, se lida com profissionais ou se a sua empresa é do tipo B2B (Business to business) , o LinkedIn é uma daquelas preciosidades ainda pouco exploradas no Brasil.

Palavra chave estratégica

Você pode incluir uma ou duas palavras chave de forma estratégica para que quando a alguém fizer uma busca sobre este tema o seu nome aparecer.

Se você quer que o seu nome apareça quando alguém digitar “veterinário” basta acrescentar a palavra dentro do campo “nome”, por exemplo:

Fernando Gomes – Médico Veterinário

Como no caso dos mecanismos de busca, o LinkedIn vai automaticamente associar o seu “nome” à palavra veterinário e ao exibir os resultados da pesquisa o seu nome estará entre os primeiros colocados.

Recomendações

Nas páginas empresariais do LinkedIn há uma seção na qual as empresas podem obter recomendações de clientes sobre seus serviços ou produtos.

Estas recomendações podem ser referentes a um ou mais departamentos de sua empresa ou a diversos produtos.

Isso é como uma carta de referência.

Acrescente mais coisas à sua página

Assim como no Facebook, você pode incluir alguns aplicativos para incrementar sua página, como por exemplo promover conteúdos através do aplicativo do SlideShare.

Ter esse conteúdo compartilhado pode ser de grande ajuda para o seu marketing.

Leia também os posts anteriores:

Mídias Sociais… Você sabia? – Parte I

Mídias Sociais… Você sabia? – Parte II

Mídias Sociais… Você sabia? – Parte III

Bos sorte!

Se o New York Times já se rendeu, o que você está esperando?

The-New-York-Times

O Mashable Business publicou uma matéria sobre a adaptação do jornal  The New York Times para celulares: “How The New York Times is adapting for mobile“.

Uma das declarações de Denise Warren, gerente geral do The New York Times que me chamou a atenção foi sobre a necessidade de evoluir para acomodar as exigências dos consumidores.

É muito difícil manter-se com o consumidor… As suas necessidades são insaciáveis”.

O projeto chamado “NYT Everywhere” uma nova estratégia do jornal que tem o objetivo de levar conteúdo aos assinantes nas plataformas que eles querem e a qualquer momento, demonstra a preocupação em não ficar para trás em uma época que os dispositivos móveis estão cada vez mais substituindo jornais e revistas impressos.

Novos aplicativos estão permitindo cada vez mais que os usuários/consumidores aproveitem os dispositivos móveis.

É esse tipo de pensamento que ainda falta a muitos empresários brasileiros, o reconhecimento das necessidades e, principalmente, exigências dos consumidores e a agilidade para resolver esta questão.

Em um mundo cada vez mais digital, onde as pessoas começam a preferir a tranquila leitura de um jornal em um tablete do que a bagunça de um jornal de papel (sem falar do cheiro que eu pessoalmente detesto), fica cada vez mais claro que essa preferência não é apenas para leitura.

Hoje mais de 79% das pessoas que viajam buscam informações de preços de passagens, estadias, pontos turísticos e transportes, na internet.

As agências, hotéis e companhias aéreas já estão disputando seus lugares na preferência, não só dos consumidores, mas dos mecanismos de busca.

No post “Como o seu site aparece nos dispositivos móveis” eu citei motivos para que os empresários adaptassem seus sites, mas essa matéria sobre o The New York Times nos faz pensar com mais carinho no assunto, certo?

Ainda que no Brasil tenhamos a tendência de esperar as coisas acontecer para finalmente nos adaptarmos, é bom que nossos empresários comecem a ficar mais atentos às tendências do mercado, não preciso lembrar que, via internet, até mesmo as compras já podem ser feitas no exterior e sem sair de casa.

Algumas empresas brasileiras começam a inovar com relação aos aplicativos, leiam a matéria: “Lista de convidados no iPad”.

Isso mostra que apesar de muitos, existem empresários com visão futurista, ou talvez eu deva dizer, com uma visão capaz de acompanhar a velocidade da tecnologia atual.

Boa sorte!

Links relacionados:

Mobile Phones in Marketing | INFOGRAPHIC

Como o seu site aparece nos dispositivos móveis?