18 dicas de estratégias sociais de fim de ano

festas-de-fim-de-ano

Dezembro é o mês da contagem regressiva para os eventos, Natal, Réveillon, férias, Carnaval…

Aqui vão algumas ideias para você utilizar em suas estratégias para a segunda quinzena da dezembro:

  1.   Crie uma hashtag temática no instagram e incentive o seu público a postar fotos usando sua hashtag;
  2. Mantenha a foto de capa do seu Facebook voltada para os temas de final de ano, férias e carnaval;
  3. Crie uma oferta, promoção ou enquete para os feriados.
  4. Compartilhe conteúdo exclusivo com seus fãs. Que tal um infográfico sobre fatos que marcaram o ano, como a evolução do relacionamento de sua empresa com os clientes nas mídias sociais?
  5. Inove, publique vídeos de agradecimento aos seus clientes no YouTube;
  6. Compartilhe receitas originais ou pelo menos interessantes para as festas;
  7. Estimule seus usuários a compartilhar momentos inesquecíveis de férias ou festas de final de ano;
  8. Utilize as miniaturas do Facebook para incorporar temas dos feriados;
  9. Seja criativo, transforme o logotipo da sua empresa em uma imagem que represente o Natal;
  10. Faça uma contagem regressiva para o Natal e/ou Réveillon;
  11. Inicie uma competição no Facebook e ofereça um brinde de Natal para seus clientes;
  12. Crie uma lista de presentes com os produtos de sua empresa;
  13. Publique um post agradecendo a seus clientes, fãs e seguidores pelo apoio no ano que está terminando;
  14. Mantenha seus clientes informados de quaisquer participações de sua empresa em movimentos filantrópicos;
  15. Crie um álbum de fotos para publicar as fotos das festas de final de ano de sua empresa.
  16. Ofereça prêmios para os clientes compartilharem vídeos contando experiências que tiveram com seus produtos;
  17. Lance um concurso de causos de Natal com direito a brindes e publicação no blog a sua empresa;
  18. Ofereça prêmios para a melhor frase sobre sua empresa/produto/marca no Twitter, aproveitando para utilizar o nome de sua empresa/produto/marca como hashtag;

Enfim, existe muito mais coisas que você pode fazer para aproveitar as festas de final de ano como uma forma de se aproximar ainda mais de seus clientes.

Nesta época as pessoas esperam por inovações e estão abertas a uma interação mais ativa.

Descubra formas de transformar este período em um forte aliado para suas campanhas de Marketing.

E, se quiser, compartilhe conosco suas inovações.

Boa sorte e desde já, um Feliz Natal!

Dicas para otimizar seus vídeos

Vídeos

Embora a maioria das pessoas saiba da grande utilidade dos vídeos no Marketing Online, muitas empresas ainda relutam em aproveitar esta ferramenta.

Antes de mais nada vamos nos lembrar que atualmente o YouTube é o segundo mecanismo de busca mais utilizado no mundo, isso deve ter uma razão, certo?

No entanto, eu reconheço que criar um vídeo não é tão fácil quanto todo mundo faz pensar. Pelo menos não um vídeo de qualidade e conteúdo realmente relevantes.

A primeira coisa a se lembrar é que o YouTube é uma Rede Social e como tal tem grandes possibilidades de atrair clientes e tráfego para o seu site.

Apesar disso alguns empresários pensam duas, três vezes antes de investir na produção de um vídeo.

Alguns por acharem muito complicado, mas a maioria por não verem como este tipo de publicidade pode dar um retorno efetivo ao seu negócio.

Mas, se você está pensando em investir neste tipo de Mídia, aqui vão algumas dicas de otimização para tornar o seu vídeo muito mais visível:

  1. Como eu disse antes, o YouTube é o segundo maior mecanismo de busca atualmente, então, seja qual for a sua preferência, não deixe de utilizar o YouTube para divulgar o seu vídeo.
  2. O título é, sim, muito importante. Faça com ele seja atraente o suficiente para que as pessoas sintam, pelo menos, curiosidade ao lerem o título. Seduza sua audiência logo de primeira. Mas não se esqueça de que o seu título é também sua palavra chave mais importante, então dê atenção especial a esta parte.
  3. Utilize palavras chave em todas as partes possíveis. Onde? No título, na descrição do vídeo, na URL do vídeo e no nome do arquivo, nas Meta Tags, etc.
  4. Torne o vídeo fácil de compartilhar. Esse passo é essencial se você tem esperança de que os usuários que virem o seu vídeo promovam-no. Mais do que os mecanismos de busca, são as Redes Sociais que geram o maior número de tráfego para vídeos, então não se esqueça dos botões do Facebook, Google+ e Twitter, pelo menos.
  5. Permita comentários e avaliações. É claro que você corre o risco de receber críticas também, mas isso é parte do jogo e as avaliações ajudam o YouTube a classificar seu vídeo.
  6. Leve a primeira dica a sério. Você pode compartilhar seu vídeo em todos os sites de compartilhamento de vídeos da internet, mas não deixe, de forma alguma, de hospedá-lo no YouTube. Apenas lembre que o YouTube pertence ao Google, o que já lhe oferece um passo a frente no posicionamento do vídeo nas páginas de pesquisa do Google.

Tem alguma dúvida ou sugestão? Fique a vontade e deixe um comentário.

Boa Sorte!

Dicas para melhorar seu desempenho nas Mídias Sociais – Facebook

facebook

Nos posts anteriores dei algumas dicas sobre o Twitter e o LinkedIn, agora vamos falar sobre o Facebook.

Comente, faça perguntas, compartilhe

Este tópico é apenas pró-forma, mas vale um parágrafo. Se você está no Facebook para promover sua empresa, seus serviços, seus produtos ou você mesmo, não importa, a chave para qualquer uma dessas opções é a interação. Então não fique parado diante do computador apenas lendo o que seus amigos ou fãs postam, participe, aventure-se, pouco a pouco isso vai se tornando mais fácil do que nos primeiros dias.

Utilize apps

Além de compartilhar seus posts e comentários, procure criar promoções, enquetes e cupons.

Utilize isso para incentivar seu clientes e fãs a curtirem sua FanPage, tecerem comentários ou compartilharem alguma coisa

Uma imagem…

Não dizem por aí que uma imagem vale mais que mil palavras? Então aproveite para compartilhar fotos relevantes de forma a atrair a atenção para seu produto ou serviço.

A maioria das pessoas na internet não tem muita paciência para ler textos longos, mas elas realmente amam conteúdos como fotos e imagens divertidas.

Os usuários do Facebook, principalmente, dão muito mais atenção a imagens que textos, então utilize isso a seu favor.

Se esta é a FanPage da sua empresa, compartilhe fotos internas, eventos, renovações, mudança na decoração. Seus fãs com certeza vão “curtir”.

Não tenha medo

Compartilhe sua opinião sobre algum assunto atual, mostre que você acompanha as notícias, mas procure evitar assuntos polêmicos demais.

Por exemplo: por mais que deteste o PT, procure lembrar que o seu próximo cliente pode ser um petista doente, o que acaba com as suas chances de negócio se você tiver compartilhado críticas duras sobre o partido.

Para que as pessoas comentem sua postagem, experimente fazer perguntas.

Adicione vídeos

Conteúdo interativo ainda é o queridinho de todo mundo e um vídeo é a melhor forma de chamar a atenção das pessoas.

Se o vídeo foi produzido por você, excelente!

Mas você pode compartilhar vídeos que ache interessante produzidos por outras pessoas, mais uma vez, lembre-se de que o conteúdo do vídeo pode e será usado contra você se for tendencioso.

Inclua links

Se a sua mensagem é referente a um produto ou serviço seu, não se acanhe, inclua um link para a página de referência. O Facebook é um excelente lugar para se postar links.

Incentive as pessoas a interagirem com os seu post, diga a elas o que encontrarão no link compartilhado.

Seja objetivo

Explique às pessoas o que elas devem fazer com relação ao seu link, promoção, enquete ou post. Ninguém tem obrigação de saber o que você espera e a maioria de seus fãs ficarão felizes em cooperar.

No entanto, se você não disser a elas o que espera que elas façam, não se aborreça se elas não agirem como esperado. Se o que você quer é cliques, simplesmente coloque o botão e seja claro: “clique aqui para…”

Você vai ver como funciona.

Posts relacionados:

Dicas para melhorar seu desempenho nas Mídias Sociais – LinkedIn

Dicas para melhorar seu desempenho nas Mídias Sociais – Twitter

Boa sorte

Conteúdo x Link Building

disputa

Antes de falar sobre o porquê de o conteúdo ser mais importante do que a troca de links, vou explicar o que é a troca ou construção de links (Link Building)

Os mecanismos de busca ainda dão importância aos Links na hora de classificar o seu site, é claro, mas esse sistema além de ser mais complexo está deixando de ser tão importante.

A troca de links hoje em dia é oferecida na internet como produto, alguns sites vendem o direcionamento de links para o seu site.

Com isso você ganha em popularidade, é verdade, mas a que preço?

Existem alguns sites que vende links e conseguem posicionar o seu site de forma rápida, mas alguns desses links são desfeitos poucos meses depois e você começa a perder posição, sem saber porquê.

Links realmente válidos são aqueles que você consegue por esforço próprio, que você ganha por mérito e isso não é fácil.

Considerando isso vamos analisar a importância do conteúdo e suas vantagens.

O conteúdo é mais fácil de ter seu valor avaliado

Como eu disse antes, existem muitos sites vendendo links, mas como você pode avaliar o valor desses links? Ainda que eles consigam melhorar seu posicionamento nos mecanismos de busca, como saber o real valor deles? Difícil, não é?

Com relação ao conteúdo é algo que você pode avaliar, tanto com relação à qualidade quanto com relação ao retorno gerado.

Compartilhamentos, Likes, RT, comentários, tudo isso são formas de avaliar o seu conteúdo.

O conteúdo é aquilo que você está vendo.

Qualquer retorno é natural

Os links gerados pelo conteúdo são naturais quando se trata de compartilhamento nas Mídias Sociais.

É mais ou menos assim: Você divulga seu conteúdo, o usuário lê, gosta e compartilha criando links para este conteúdo.

Além disso você mesmo pode compartilhar este conteúdo em suas redes sociais.

Os links naturais ainda são mais confiáveis, uma vez que veem espontaneamente e mais duradouros, visto que muitos links comprados tem prazo de validade.

Redatores x SEOs

Encontrar bons SEOs com capacidade para construir links duradouros é difícil e todo o processo é demorado, mas ao contratar um bom redator não é tão difícil e o custo pode ser muito mais em conta.

Você pode procurar bons redatores em blogs e redes sociais e até mesmo analisar o material deles.

Agradando Gregos e Troianos

A construção ou troca de links vai se tornar cada vez menos importante, enquanto o conteúdo está se tronando cada vez mais relevante na hora dos mecanismos de busca avaliarem seu site.

Isso porque o conteúdo fala muito mais sobre a influência do seu site para os usuários do que qualquer link, fato que é de extrema importância para os mecanismos de busca.

E como eu disse antes, um bom conteúdo vai gerar links de uma forma ou de outra.

Boa sorte!

Apresentação de Mídias Sociais

gerenciamento-de-midias-sociais

Esta publicação é da Deloitte Touche Tohmatsu, depois que a li achei que valia a pena compartilhar com vocês, com a devida permissão, é claro.

Achei interessante os dados dos gráficos, que embora estejam desatualizados (a publicação data de 2010) ainda podem nos dar um excelente noção do crescimento e da importância da internet na vida das empresas atualmente.

Espero que gostem tanto quanto eu gostei.

É só clicar no link e aproveitar o máximo as informações.

Mídias Sociais nas empresas – O relacionamento Online com o Mercado

Boa sorte!

Empresas / prestadores de serviço e as Mídias Sociais

Mídias Sociais para empresas

É impressionante a quantidade de empresas e prestadores de serviços que ainda relutam em apostar nas Mídias Sociais.

Alguns até possuem perfis em algumas Redes Sociais, , provavelmente por insistência da equipe de Marketing, da filha do proprietário ou, no caso de profissionais liberais, apenas para uso pessoal.

A maioria dos perfis está inativa, páginas abandonadas, inúteis.

Alguns empresários não acreditam no potencial das Mídias Sociais e a página fica lá, à vista dos clientes, mas absolutamente estática. Péssimo marketing.

Talvez você imagine que por ser o seu negócio direcionado apenas à empresas, não vale a pena investir em atualizações nas Mídias Sociais.

Está errado, você só precisa saber aproveitar o que elas tem a oferecer para empresas do tipo B2B (Business to Business).

Existem algumas formas de tornar as Mídias Sociais um instrumento útil para as B2B

 Você pode usá-las para reforçar o seu marketing tradicional

Todos sabemos que no caso de empresas B2B o marketing é mais do que importante. Em alguns casos chega a consumir uma boa parte do orçamento da empresa.  As Mídias Sociais  auxiliam esse marketing, e de graça. Se você não está levando a sério essa forma de divulgar sua empresa, pense novamente.

O Twitter oferece uma enorme gama de possibilidades de negócios entre empresas, além da possibilidade de divulgação gratuita para um público alvo no qual talvez nem você tenha pensado.

Se você pretende promover seu produto/serviço em uma feira ou evento em sua cidade, ou até mesmo fora dela, utilize o Twitter para convidar seu público a conhecer o que você tem a oferecer, a participar do evento.

Desenvolvendo relacionamentos

Um negócio entre empresas é muito mais delicado e complexo do que um negócio entre empresa e consumidor.

As empresas tendem a ser muito mais cuidadosas na hora de fechar um contrato, além de, normalmente, terem toda uma equipe para pesquisar e encontrar o melhor fornecedor.

As Mídias Sociais possibilitam a sua empresa criar um tipo de referência de negócios, um currículo empresarial disponível para pesquisas e acessível a qualquer futuro cliente.

Mantendo um bom e aberto relacionamento com seus atuais clientes você demonstra a competência dos serviços de sua empresa, além de poder, pouco a pouco, conquistar novos.

Conteúdo é a chave do momento

O conteúdo é sempre importante, mas no caso de empresas o conteúdo é o que atrai não só os clientes, mas os mecanismos de busca.

Mecanismos de busca levam as equipes de pesquisa até você.

Seu publico alvo está por aí, online, pesquisando informações sobre o produto que você tem a oferecer, não deixe que a concorrência o atraia primeiro.

Qualquer nova informação sobre sua empresa, postagem nova no blog, vídeo, e-book… Deve ser imediatamente compartilhada com seu público alvo nas Mídias Sociais.

Conteúdo é importante, mas apenas se as pessoas tem acesso a ele.

Aproveite para compartilhar conteúdo de outras empresas também, desde que o material seja relevante.

Compartilhar conteúdo de outras empresas?!

Isso mesmo, se a sua empresa fornece serviços de construção, você pode, sem nenhum prejuízo para você, compartilhar idéias de decoração, móveis ou até mesmo dicas de cores de tinta, por que não?

Seu cliente vai gostar e talvez até compartilhem o conteúdo também.

Nas Mídias Sociais, se você quer que as pessoas compartilhem seu conteúdo, se quer aproveitar essa incrível mina de publicidade gratuita, é preciso que retribua o favor.

Agora que tal compartilhar esse post?

Boa sorte!

Dicas básicas de Marketing Online

marketing-online

Já falei sobre isso, mas sempre acredito que repetir algumas coisas é valido, então aqui vamos:

A internet um imenso mercado no qual você encontra todos os tipos de pessoas. Comerciantes, profissionais liberais, compradores, vendedores, curiosos, etc.

Investir na internet é abri um enorme leque de possibilidades para sua empresa, pois o mercado está ali, acessível.

É melhor, mais em conta e muito mais prático criar um e-commerce, do que alugar ou comprar uma loja em um shopping da moda.

E quando se trata de marketing, as opções são vastas e muito mais em conta.

As possibilidades de crescimento de uma empresa na internet são infinitas.

Hoje eu quero compartilhar três dicas do que você deve fazer como empresário se quiser investir no marketing online.

Se sua empresa possui um site, você, provavelmente, já começou a investir em marketing online, caso contrário o seu site está sendo inútil para sua empresa.

Os clientes em potencial estão por aí, navegando na internet, procurando algo que você tem a oferecer.

Sua reputação, sua história, imagens, informações em geral, você tem muito a mostrar sobre sua empresa, mas a pergunta é: Você está fazendo isso da forma certa? Existe isso de “a forma certa”?

Talvez, não, mas uma coisa você pode ter certeza, sua empresa precisa de um blog.

Se você acha que isso é fácil, confie em mim, não é.

Ter um blog significa ter disciplina para mantê-lo atualizado, buscar informações relevantes sobre sua empresa, escrever sobre seus produtos/serviços.

É cansativo atualizar informações, dar dicas, oferecer instruções sobre produtos diariamente, semanalmente ou, que os deuses da internet o perdoem, mensalmente.

Certo, vamos ignorar esta última opção, pois atualizar um blog uma vez por mês é tão útil quanto não ter um.

A menos que você já tenha centenas de posts para que os leitores se distraiam por dias e dias.

No marketing, um blog impulsiona sua conexão com clientes potenciais. Ele te proporciona a capacidade de ouvir a opinião deles sobre sua empresa, produtos ou serviços e de se comunicar com eles.

O blog também ajuda, e muito, a melhorar a otimização de seu site, te dando a opção de classificar algumas palavras chave que você pode usar nos posts.

A outra vantagem do blog é a atualização constante, coisa que você não pode fazer em seu site, mas que, com a vinculação de ambos, acaba dando ao seu site uma ajuda bem conveniente.

O Google adora tudo o que é novo, então:

Novos artigos = novas informações = Google feliz = seu site mais bem posicionado nas páginas de busca.

É simples assim.

Então, o que está esperando para começar seu blog?

Ah, sim, existe uma questão que talvez dificulte a criação de um blog para sua empresa: você “precisa” de um bom escritor.

Viu a ênfase no “precisa”? É porque sem um bom escritor, voltamos ao blog atualizado mensalmente, ou seja, inútil.

Se você tiver em sua empresa alguém que escreva bem e tenha criatividade, aproveite! Pague um extra e coloque a pessoa como responsável pelo blog.

Saber escrever é não é fácil, saber dizer muito em poucas palavras é um talento.

O vídeo a seguir mostra com perfeição o que estou dizendo:


Dê liberdade à pessoa que vai ficar responsável pelo blog de sua empresa, sem, no entanto deixar de conferir o conteúdo.

A segunda coisa importante no marketing online é o seu próprio site.

Os clientes antigos vão gostar de sentir que estão mesmo em sua empresa e os novos devem poder conhecer a empresa através do site.

Seu site deve ser uma extensão de sua empresa e não algo completamente diferente ou à parte.

Se sua empresa já é conhecida no mercado tradicional, faça com que o site seja apenas mais um setor e não uma nova empresa.

As pessoas confiam naquilo que já conhecem.

E por fim:

Alguns empresários cometem o erro de pensar que apenas porque o site está gerando clientes e vendas, ele está pronto e perfeito.

Não caia nessa.

Um bom site é aquele que está sempre inovando, sempre surpreendendo os clientes, sempre aproveitando oportunidades para conquistar novos.

Alguns empresários acreditam que só porque o site está funcionando ele se sustentará sozinho e não precisa de mais nada.

Ledo engano.

O site é apenas um meio para se atingir um objetivo, mas sozinho ele não fará nada, é como um alicerce para uma construção.

E tudo isso pode ser resumido em poucas palavras:

Blog, Mídias Sociais e otimização.

Esse é o caminho para um bom marketing online.

O custo é salgado? Talvez, mas o resultado vale cada centavo investido.

Apenas certifique-se de que a pessoa responsável pelo seu marketing online é realmente eficiente, caso contrário você pode acabar decepcionado, culpando o sistema que não passa de uma vítima inocente.

Existem “profissionais” de SEO, “gestores” de Mídias Sociais, “Redatores” de conteúdo online, que oferecem um serviço bem baratinho.

Mas, se depois de contratá-los, você não vir os resultados que esperava não reclame, sim?

Marketing Online exige estudos, pesquisas e dedicação, nada que possa ser feito em 15 minutos e com um pé nas costas vai lhe trazer o retorno que você espera. Pode ser um barato que vai lhe custar muito mais caro do que você imagina.

Lembre-se:

A internet te oferece um mercado infinito de possibilidades, mas para aproveitar cada uma delas, você precisa realmente saber o que está fazendo.