Comece a usar o Twitter ainda hoje

twitter 

O Twitter chegou para ficar, mas a maioria das pessoas ainda não sabem exatamente como usá-lo, outras tem problemas com os 140 caracteres limitados no miniblog, outras ainda acham que o Twitter é para quem não tem mais o que fazer…

Embora ainda não tenha se tornado uma febre como o Facebook, o Twitter tem lá os seus fãs e o pessoal está ficando cada vez mais afinado com esta Rede Social.

Mas que interesse “você” poderia ter no Twitter?

A verdade é que enquanto você não começar a usar o Twitter você não tem como saber o poder que esse miniblog pode ter no seu dia a dia, então…

Vejamos:

Comunidades

O Twitter está cheio de comunidades que compartilham os mais variados assuntos em tempo real.

Não importa se são sobre viagens à Europa, a qualidade dos tablets lançados pela Samsung ou o fenômeno de estar informado em tempo real sobre os resultados das Olimpíadas de Londres (isso foi mesmo um fenômeno).

Você vai achar uma comunidade que fala a sua língua, que se interesse pelo seu assunto preferido, que seja da sua área profissional, é só procurar.

Site / Blog

É incrível a forma como o Twitter é usado para divulgar sites e blogs e, mais incrível ainda, como isso funciona bem.

Conheço algumas Redes Sociais que são boas, mas nenhuma é tão boa para produzir tráfego quanto o Twitter.

Informação

As notícias em tempo real são uma coisa impressionante, por exemplo:

Eu estava em meu quarto, lendo as notícias no Twitter e li sobre o desabamento do prédio no centro do Rio, fui até a sala e comentei com minha família a notícia, enquanto comentávamos sobre ela começou a tocar a música do Plantão da Globo e a Fátima Bernardes entrou no ar dando a notícia que eu havia acabado de dar.

Alguém faz idéia do que é dar um furo de jornalismo antes do Plantão da Globo? Me senti a própria Fatima Bernardes.

Contatos

Eu me mantenho informada e atualizada sobre tudo o que está relacionado ao meu trabalho, através do Twitter, sem contar que tenho contatos profissionais até em Singapura através do Twitter.

Divulgação

Se você quer divulgar uma idéia, uma marca, uma promoção, não há lugar melhora para isso do que o Twitter e se for algo inovador e realmente digno de nota você talvez até consiga um viral de presente.

Globalização

Tudo bem, o seu negócio pode ser apenas local, mas nunca se sabe, não é mesmo? E se esse não é o seu caso, você pode conseguir, além da divulgação gratuita, um contato direto com clientes e futuros clientes.

Monitoramento

Muitas empresas já estão utilizando o Twitter como forma de monitoramento para reclamações, elogios e críticas às sua marcas.

Você tem a chance de descobrir problemas com os consumidores antes que eles se tornem uma grande dor de cabeça.

Pesquisa de mercado

Outra boa utilidade do Twitter é a possibilidade de fazer pesquisas de mercado, de opinião pública e obter uma resposta rápida.

Então, já verificou se os seus concorrentes já estão no Twitter? Vai esperar que eles abocanhem a maior parte deste mercado antes de tomar uma atitude?

Seja qual for a tua decisão, boa sorte.

Posts relacionados:

Escolhendo as melhores Mídias Sociais

Empresas / prestadores de serviço e as Mídias Sociais

Anúncios

Dicas pra promover sua empresa online

dicas

Quando se tem uma pequena ou micro empresa o gasto com divulgação sempre parece maior do que o orçamento disponível.

Alguns pequenos empresários ainda acreditam que investir em Marketing é desperdiçar dinheiro, outros ainda preferem o alto custo de um Marketing Tradicional ao “risco” do Marketing Digital.

Em ambos os casos fica a dúvida sobre como promover a empresa sem um custo muito alto e de forma efetiva.

Seja qual for a sua maneira de encarar o Marketing aqui vão algumas dicas para você promover sua empresa na internet:

  • Google Local – Cadastre sua empresa e aproveite a oportunidade de divulgá-la. Tudo o que você precisa fazer é fornecer os dados de sua empresa, como endereço e telefone, para que ela apareça nas pesquisas locais.
  • Redes Sociais – A escolha das Redes Sociais vai depender do seu público alvo, Facebook, Twitter, Linkedin, etc. Procure pesquisar entre seus clientes.
  • Mercado Livre – Se sua empresa comercializa produtos, você também pode aproveitar as vantagens do Mercado Livre para divulgar seus produtos e inserir informações sobre sua empresa.
  • Blog – Um blog é, sem dúvida alguma, a melhor forma de divulgar seus produtos. Através do blog você pode esclarecer dúvidas dos clientes, fornecer informações detalhadas sobre marcas, produtos ou serviços, inserir fotos, imagens, vídeos com descrições detalhadas e ainda utilizar as Tags para ajudar na classificação do seu site nas páginas de pesquisa.
  • Buscapé – Se os seus produtos tem um bom preço, cadastre-os no Buscapé é gratuito se você utilizar o sistema de pagamento deles ou de custo bem em conta para anúncios pagos, além de você ganhar R$ 200,00 de bônus para anunciar.
  • Opiniões, depoimentos e comentários – Peça a seus clientes que escrevam depoimentos sobre sua empresa, publique-os no site, para que os usuários possam ver, eles também podem postar diretamente no seu blog. Isso é uma excelente forma de estimular os visitantes.
  • Troca de Links – A troca de links pode ser feita entre empresas parceiras, fornecedores e até mesmo sites de clientes. Links e banners em outros sites é uma excelente forma de promover sua empresa.
  • E-mail – Inserir o endereço do seu site ou blog na sua assinatura de e-mail é outra forma de promoção, o link pode estimular a pessoa que recebe o e-mail a entrar no site.

Bom é isso, essas foram as últimas dicas de 2012. Eu espero que vocês que estão me acompanhando desde o início do ano, tenham aproveitado os posts, eu aproveitei muito cada minuto gasto elaborando textos para vocês.

Feliz-Ano-Novo

Desejo a todos um Feliz Ano e que 2013 nos traga muitas oportunidades e poucas modificações nos sistemas dos mecanismos de busca ou nas Redes Sociais.

Boa sorte!

Marketing Digital, porque parece tão complicado?

marketing-digital

No começo a pergunta era: “O que é Marketing Digital”?

Esta pergunta levou algum tempo e diversos post por marte dos especilistas em Marketing Digital, para ser respondida.

Então veio uma nova pergunta: “Qual a melhor forma de divulgar um site na internet”?

Esta criou uma série de discussões a respeito do assunto, especialistas em Marketing afirmavam que uma campanha no Google Adwords era a melhor forma de divulgação, enquanto os especialistas em SEO, afirmavam que o melhor era otimizar o site para que ele fosse divulgado gratuitamente nos mecanismos de busca.

Atualmente a pergunta mais pertinente é: “O que devo fazer para que a minha campanha de Marketing Digital tenha bons resultados”?

Não há nada de complicado ou mágico em uma boa campanha de Marketing Digital, apenas boas técnicas, um bom acompanhamento e estratégias bem específicas.

Mas antes de se preocupar com “como sua campanha está sendo vista” preocupe-se com o objetivo dela.

Não adianta criar uma excelente campanha se você mesmo não sabe extamente o que quer dela.

Vendas, divulgação, tráfego…

Se o seu objetivo é tudo isso, a campanha provavelmente não vai funcionar direito.

Vendas, divulgação e tráfego podem estar intimamente relacionados, mas você não vai conseguir os três se não mirar em um deles de forma específica.

Então a primeira coisa a fazer é definir seu objetivo.

Vendas

O que você precisa fazer se o seu objetivo é vender um produto específico?

Em primeiro lugar, não adianta trazer o visitante até o seu site e o deixar perdido na página principal para que busque o produto por conta própria. Ele provavelmente vai acabar desistindo (em uma porcentagem de 6×5 para mais).

Então selecione o produto, ou produtos, nunca mais do que três e sempre diferentes uns dos outros, por quê?

Se o visitante chega ao seu site por causa de um anúncio de uma TV LCD 42 polegadas da marca X e encontra mais três modelos das marcas W, Y e Z, ele pode ficar na dúvida e acabar decidindo procurar em um site que não o confunda.

Então selecione, por exemplo, uma TV, um DVD e um Refrigerador. É muito pouco provável que o visitante se sinta confuso neste caso, mas é possível que acabe levando a TV e o DVD por estarem juntos e em oferta.

Crie uma Landing Page (Página de Conversão, ou de Aterissagem se você preferir) de forma que o visitante caia diretamente na página que lhe interessa e não tenha que ficar procurando o produto do anúncio.

Divulgação

Você precisa que as pessoas coneçam sua marca, produto ou serviço?

Ninguém faz nada de graça, pelo menos não com frequência ou não muitas pessoas, então se o seu objetivo é estimular as pessoas a divulgarem seu site ofereça algo.

Tudo depende da área em que você atua, não é preciso grande coisa para estimular seus clientes, um e-book, um brinde, um desconto…

A divulgação expontânea de um site pelos clientes depende exclusivamente de ele oferecer bons produtos, bons serviços e/ou um pequeno estímulo.

Se o seu objetivo é divulgar, não basta que seu anúncio seja exibido em cada página do Google, se você espera apenas isso, vai se decepcionar, pois divulgação boa é aquela que é feita não apenas por anúncios, mas pelos clientes e visitantes.

Prepare uma campanha que estimule as pessoas a compartilharem seu anúncio, dessa forma a divulgação será completa.

Tráfego
O tráfego em si é o mais fácil de conseguir e na maioria das vezes é um objetivo secundário, mas se você apenas deseja que as pessoas entrem e conheçam seu site, sua campanha é relativamente fácil de gerir.

Sua campanha deve ser direta e sem muitos floreios, você quer que o usuário siga uma direção, basta indicar o caminho e pronto.

É claro que para entrarem no seu site eles precisam de um objetivo melhor, ninguém segue uma estrada apenas por seguir, eles a seguem para alcançar um objetivo, para apreciarem a paisagem ou para se divertirem no caminho, mas nunca apenas pelo caminho em si se ele não tem nada a oferecer.

Não basta você dizer “venha conhecer nosso site” pois a primeira coisa que passa pela cabeça do usuário é: “Porque eu faria isso?”

Sim, por quê? Você não entra em uma loja apenas por entrar, entra porque algo lhe chamou a atenção na vitrine e você quer ver mais de perto, porque alguém lhe disse que aquela loja tinha algo que poderia lhe interessar ou porque os preços eram bons.

Muitas vezes quando o vendedor vem atender, você apenas diz: “Estou apenas olhando.”

Mas o que deve importar para o proprietário da loja é que você chegou até ali.

Então, para conseguir tráfego para o seu site tudo o que você precisa fazer é unir a estratégia de venda e divulgação.

O resto… Acontece naturalmente.

Boa sorte!

Anunciando sua candidatura

Marketing Político digital no Espírito Santo

Um bom número de pessoas ligadas às campanhas políticas acreditam que a campanha começa no momento do anúncio da candidatura.

Mas, como os profissionais de Marketing Político sabem, existe muita coisa a ser feita antes disso.

Além dos aspectos de marketing é necessário que o candidato tenha uma estrutura básica, tesoureiro, consultor, um site que deverá estar pronto para ser colocado online no momento em que a candidatura se tornar oficial, voluntários e etc.

Um bom número de pessoas ligadas às campanhas políticas acredita que a campanha começa no momento do anúncio da candidatura.

Mas, como os profissionais de Marketing Político sabem, existe muita coisa a ser feita antes disso.

Além dos aspectos de marketing é necessário que o candidato tenha uma estrutura básica, tesoureiro, consultor, um site que deverá estar pronto para ser colocado online no momento em que a candidatura se tornar oficial, voluntários e etc.

Preparação à parte é ideal que o anúncio da candidatura seja feito de forma profissional e, de preferência, em diversos tipos de mídia simultaneamente.

Qual o papel de um profissional de Marketing nisso?

É ele quem vai estar com todas as mídias preparadas para a divulgação. Seja Mídias online ou tradicionais o importante é que todo o material já esteja pronto para ser enviado e com isso o candidato já sai ganhando na corrida para as eleições.

É o profissional de marketing quem sabe exatamente quais as mídias trarão mais repercussão para o candidato e como essa notícia deverá ser divulgada.

Mais do que simplesmente comunicar a candidatura oficial, é importante despertar nos eleitores a curiosidade sobre o candidato, o interesse por sua presença no palco político.

Nunca esquecendo que em municípios pequenos o marketing tradicional ainda tem seu papel fundamental no jogo político, é preciso que os candidatos tenham consciência de que no mundo atual, ignorar as Mídias Sociais pode ser um erro.

No momento do anúncio é preciso que haja uma coordenação entre os que apoiam o candidato, para que a notícia não passe despercebida. No caso das Mídias Sociais, um bom planejamento de divulgação entre os apoiadores pode ser de suma importância.

A primeira declaração, o primeiro discurso, deverá ser resumida de forma coerente e concisa para que, dentro de Mídias Sociais, como o Twitter, não percam o importância de seu contexto original.

Quaisquer materiais adicionais tais como fotos, biografia e posicionamento do candidato, devem estar prontos antes do anúncio, para que os colaboradores não se percam procurando informações importantes.

Seus colaboradores, partindo do profissional de Marketing, deverão estar preparados para as perguntas que certamente surgirão.

Se a imprensa é difícil de satisfazer, nas Mídias Sociais o público pode ser muito mais curioso e exigente.

Então prepare sua equipe, tente cobrir todas as possibilidades de perguntas e deixe algumas respostas já prontas.

Nunca utilize respostas clichês nas Mídias Sociais, o povo está cansado disso e não aceita mais panos quentes.

Mantenha-se atualizado sobre todos os assuntos que interessam aos seus eleitores.

Para isso utilize de pesquisas on e off-line, de forma a saber o que puder sobre as preocupações, esperanças e desejos de seus eleitores.

O planejamento antes do anúncio da candidatura pode evitar diversos momentos constrangedores que poderão se seguir.

Que saber mais a respeito de um bom planejamento de campanha online? acesse www.suacampanha.com e consulte-nos

Boa sorte!

Quando começar sua campanha para as eleições 2012?

A resposta é óbvia: a partir de 5 de julho.

Mas e até lá?

Nós sabemos que em política nada se limita ao período oficial de campanha. Nenhum candidato ou pré-candidato vai ficar quietinho em sua casa, esperando que a bandeira de largada seja agitada para só então começar sua campanha.

O dia a dia de um candidato em ano de eleição é, ou pelo menos deveria ser, planejado com todo cuidado.

Cada passo, cada visita social, cada aparição em público tem um objetivo: As eleições.

Mas, mais do que aparecer fisicamente nos lugares certos, existem coisas que o candidato pode e deve começar a fazer desde agora.

Uma delas é o planejamento de sua campanha de Marketing Digital.

Enquanto não pode se declarar oficialmente candidato, o “cidadão” pode começar a despertar o interesse de outros “cidadãos” para o problemas políticos de sua cidade ou região.

Isso não é contra a lei. Qualquer pessoa pode expressar sua opinião, fazer comentários e questionar qualquer assunto, político ou não, na internet.

É claro que o candidato precisa tomar cuidado para não se expor como tal.

Mas isso não o impede de fazer pesquisas de opinião pública sobre o bem estar da população, como você pode conferir, por exemplo no site do pré-candidato à prefeitura de São Paulo José Serra:

http://www.joseserra.com.br/archives/2058

Neste post o pré-candidato comenta sobre os problemas industriais do Brasil de forma geral, mas todos sabemos, até mesmo pela fonte citada “Os números foram extraídos de estudos da Federação das Indústrias de São Paulo e outras fontes”, que a indústria é a maior preocupação do paulista.

Da mesma forma, o site Linha Direta do PT de São Paulo publicou este banner:

Nenhuma alusão à candidatura de Fernando Haddad à prefeitura, mas ninguém pode dizer que ele esteja parado esperando o 5 de julho.

Esse tipo de divulgação na internet é o que chamaria de campanhas prévias.

Nada impede o candidato de iniciar um movimento de conscientização em seu município, ou lançar uma campanha de “Salve as baleias” ou “Protejam os ovos das tartarugas”.

O objetivo aqui ainda não é vencer as eleições, mas conquistar o eleitorado.

Não é ser candidato ou político, mas cidadão consciente e preocupado.

Não recomendo o uso desta cidadania para agredir, criticar de forma acintosa ou iniciar acusações contra os adversários, mesmo que esse adversário seja o atual prefeito ou vereador e que seu mandato seja, comprovadamente, um fiasco.

Atitudes agressivas podem ser positivas, mas na maioria das vezes geram antipatia.

Faça críticas, sim, mas e forma geral tente ouvir mais do que falar.

Crie debates, enquetes, discussões.

Estimule os futuros eleitores a darem suas opiniões, a se posicionarem sobre determinados assunto.

Você poderá usar essas informações para fortalecer sua campanha quando chegar a hora.

Um plano de governo baseado no que o povo quer pode ser muito mais sedutor que qualquer influência generalizada.

Minha dica é que você, candidato, use este período pré-campanha, para conhecer melhor o seu futuro eleitor.

Três frases do político e filósofo inglês, Francis Bacon, as quais acredito serem perfeitas para se ter em mente:

O homem deve criar as oportunidades e não somente encontrá-las”.

 

Uma pergunta prudente é metade da sabedoria”.

“O conhecimento é em si um poder.

Então comece a ouvir e pesquisar, enquanto não pode sair em campo.

Boa sorte!

Algumas dicas sobre Marketing Online

A internet é como um imenso shopping center, com todos os tipos de pessoa, vendedores, compradores, especialistas em Marketing entre muitos outros.

Não existem muitas limitações para o potencial de negócios a serem realizados na internet, este potencial cresce diariamente e o grande alvo dos usuários é o Marketing.

Pensando nisso aqui estão algumas dicas básicas sobre o marketing na interne para você ter em mente.

Se você for proprietário de um site é muito provavelmente que queira acompanhar pessoalmente o desenvolvimento do marketing online de sua empresa. De outra forma, como poderá ter certeza de que o Marketing de sua empresa está funcionando como deveria?

Existem diversas coisas pelas quais os usuários buscam: informações, fotos de produtos, histórico da empresa, reputação e muito mais coisas.

Se você quer que o Marketing da sua empresa funcione deverá buscar formas de suprir as necessidades dos usuários.

Então, aqui estão algumas dicas de como fazer isso:

1 – Tenha um blog

Se você acha que é fácil, pense novamente. É difícil manter todos os dados de sua empresa atualizados diária ou semanalmente (mensalmente é impensável).

Digo impensável porque se você pretende manter atualizações mensais, seu blog será inútil.  A menos que você tenha uma quantidade enorme de artigos para publicar de uma só vez e eu não recomendo isso.

O Marketing através do Blog gera uma conexão com os usuários, oferecendo não apenas a você a oportunidade de ouvir seus consumidores, como a eles de se comunicarem com sua empresa. O blog também vai ajudar no SEO do seu site, se utilizado de forma a aproveitar suas palavras chave nos artigos.

Além disso o blog tem uma vantagem sobre o site. Enquanto no site você não pode ficar atualizando textos e inserindo imagens, não pode dispor de espaço para novidades do seu mercado, o blog atua como um espaço para tornar o seu site amigável para o Google.

O Google ama novos artigos, novas informações. Simples assim!

Então crie um blog para sua empresa!

Claro que para isso você vai precisar de um bom escritor. Meu conselho é que você escolha dentro de sua empresa uma pessoa capaz de elaborar bons textos. E claro, pague um extra pelo serviço, pois, acredite em mim, elaborar textos agradáveis e que cativem os usuários, não é fácil.

Ou contrate um profissional de fora, mas não se esqueça de manter-se atualizado e sempre atento ao serviço, pois, como dizia minha avó: “É o olho do dono que engorda o porquinho”.

Meu conselho é que você, de vez enquanto, leia alguns tutoriais e webnar sobre o assunto.

2 – Tenha certeza de que a aparência do seu site é agradável para os seus consumidores

Existe uma grande quantidade de sites por aí, alguns são ótimos, outros nem tanto… Mas o que isso tem haver com o seu site?  Tem muito, se você quer entender como as coisas funcionam precisa ficar de olho na concorrência e não só na concorrência dos seus produtos, mas na internet de forma geral.

Afinal, se um site, seja qual for o produto que ofereça, obtém sucesso na internet, ele deve ter algo que agrade aos usuários, então, você pode aprender algo com ele.

Um bom profissional de Marketing sabe que, apesar da beleza das novidades, às vezes o melhor caminho é aquele que já foi percorrido antes.

Você não deve perder tempo tentando “adivinhar” como o seu site deveria ser, simplesmente olhe por aí e descubra as milhares de opções que possui e que já faze sucesso. Aprenda com eles, mas não copie, crie um design próprio.

3 – Não pare no site

Muitas empresas acreditam que seus negócios estão bem quando o site está estabelecido. Acreditam que, uma vez que o site está lá e vai funcionar sozinho e de forma automatica.

Sinto decepcionar àqueles que acreditam nisso, mas… Não funciona assim.

Colocar o site online é apenas o primeiro passo (é claro que não estou me dirigindo àqueles que fazem questão de comprar um domínio e mandar desenvolver um site apenas para que o endereço www conste em seu cartão de visitas) mas, se não for o seu caso, após o primeiro passo você terá uma longa estrada pela frente.

O primeiro passo não te dará tudo, ele será apenas o início do caminho que te dará estabilidade de um ponto de referência.

Depois que você criar e estabelecer uma presença online, você precisa ter certeza de que essa presença será marcante o bastante para conseguir novos clientes.

O passo seguinte? Comece o blog! Crie perfis nas Redes Sociais e, principalmente, não esqueça a otimização do site, sem a qual tudo o que estou sugerindo ficará navegando sem rumo.

Lembre-se, não existem negócios sem investimentos e a internet é, atualmente um negócio muito rentável, então, não se acanhe, invista no seus site, no marketing online, você se surpreenderá com os resultados.

Não vou mentir para você, vai doer um pouco fazer um bom investimento em Marketing Online, digo um investimento correto, não um meio termo que acabará em nada.

Mas posso garantir outra coisa, o retorno compensa e, acredite, a longo prazo, doerá muito mais a falta de um bom sistema de divulgação.

Mas, ah, sim, você pode até evitar estes gastos agora, mas, cedo ou tarde, quando seus concorrentes estiverem conquistando todos os  clientes e o seu site estiver afastando cada vez mais os usuários… Poderá não ser tarde, mas, com certeza, o custo já terá se tornado muito mais alto.

Google quer sites mais rápidos

O SEO Hacker publicou um interessante artigo sobre as mudanças efetuadas no sistema de busca do Google, que incluíram agora a velocidade do site como fator de classificação para as SERPs.

O artido está traduzido, mas se você quiser ler o original é só clicar no link acima.

“É oficial, o Google está incorporando velocidade como um fator de classificação em seu mecanismo de busca. Algum motivo para pânico?

Bem, Matt Cutts parece estar tranquilo com relação a ao fato de a velocidade ter se tornado um outro item no Rank dos sites.

Ele explicou em detalhes em seu blog as mudanças que irão acontecer e os efeitos delas.

Não sei se é verdade, mas ele afirma que menos de 1% das consultas irá sofre alguma alteração como resultado da incorporação de velocidade de carregamento do site em seu posicionamento na página de resultados do Google. Esse é um número muito baixo na minha opinião. Tão baixo que não acho que eu vá ser incomodado pela mudança.

Parece que Matt está dizendo a verdade, pois alegou terem feito as mudanças há algumas semanas e eu não percebi nada em minhas consultas de pesquisa como especialista em SEO.

Matt também explicou porque as grandes empresas, que podem pagar hospedagens melhores e mais rápidas, não irão se beneficiar disso tanto quanto as pequenas empresas.

Os sites de pequenas empresas costumam responder mais rápido do que os sites das grandes às mudanças na Web. Isso significa que com algumas pequenas mudanças você pode aumentar a velocidade do seu site.

Matt resumiu essa mudança em três pontos principais:

Primeiro

Esta é realmente uma mudança de pequeno impacto, então vocês não precisão entrar em pânico.

Segundo –

Acelerar o seu site é uma grande vantagem de modo geral. Os visitantes do seu site vão ficar muito satisfeitos (e isso pode acabar gerando mais conversões). Um site rápido é melhor para todos.

Terceiro –

Essa mudança destaca que há coisas que podem melhorar a experiência do usuário no seu site. Em vez de perder tempo com palavras-chave e meta tags, você pode se concentrar em algo mais fácil, simples e que com pequenos passos podem melhorar a performance do seu site.

Fica então a dica: Melhore o seu site para acelerar a velocidade, caso você queira competir pelo topo da página de buscas orgânicas.”

Na minha opinião isso significa mais uma estratégia a ser usada em SEO, o que torna meu trabalho mais fácil.