Otimização: Termos usados e seus significados

DICIONÁRIO DE OTIMIZAÇÃO

Temos o péssimo hábito de sempre achar que as pessoas sabem do que estamos falando não importa o quão técnico sejam os termos que usamos.

Nos últimos tempos tenho ouvido várias perguntas sobre o que é otimização de site e uma dessas perguntas, a mais frequente, me fez decidir escrever este post.

O que significa Otimização? O que são Palavras-chave? O que são Backlinks?

Minha mão costuma dizer que a melhor forma de responder perguntas é usando um dicionário, então, aqui está um Dicionário de Otimização com os termos mais usados. Espero que gostem.

Algoritmo

Quando se trata de otimização o termo algoritmo se refere a uma fórmula matemática, usada pelos mecanismos de busca, que classifica as páginas da web e analisa sua importância. Estes algoritmos são atualizados constantemente de forma a poderem acompanhar as mudanças e manter resultados relevantes para os usuários. Estas atualizações também servem para evitar que os profissionais de SEO descubram a forma como eles funcionam e tentem explorar isso.

ALT Tag

A Tag de Texto Alternativo é aquela que aparece no lugar da imagem quando o site está carregando ou que aparece quando a imagem não pode ser carregada por algum motivo ou ainda, quando você posiciona o mouse sobre a imagem.

Este texto é importante para a otimização pois é como os mecanismos de busca leem as imagens.

Texto Âncora

O texto âncora é o texto do link ou seja a parte “clicável” do texto que está ligada a outra página da web.

Backlink / Inbound Link

Os backlinks são os links de um site que apontam para outro. São usados na otimização para aumentar a importância do site junto aos mecanismos de busca.

Os dois valores mais importantes dos backlinks são o Texto Âncora utilizado e a relevância do site para o qual o link aponta e do qual o link se origina.

Alguns profissionais de SEO compram backlinks, mas essa tática não é garantida, além do fato de que é, se não ilegal, desonesto.

Conteúdo

Texto, imagens, vídeos u quaisquer outros tipos de mídia visíveis para o visitante.

A informação encontrada no site.

Conversão

A conversão é o número de visitantes que completam a meta fixada pelo proprietário do site. Seja comprar um produto, assinar um boletim, preencher um formulário, ou qualquer outro objetivo.

Esta é uma boa forma de medir o sucesso da otimização do seu site.

Domínio

Domínio é o nome que você registra para o seu site.

Header Text / Texto do cabeçalho

Partes do código HTML que indicam a importância de algumas partes do texto e que podem variar entre h1 e h6.

“h1” indica que um texto é muito importante.

Palavras chave / Keyword

A otimização é baseada principalmente na força das palavras chave. É quando um usuário digita uma palavra chave na caixa de pesquisa do mecanismo de busca que a importância das palavras chave surge.

Quando mais otimizadas as palavras chave do seu site, maiores as possibilidades de um bom posicionamento dele nos mecanismos de busca.

Densidade das palavras chave

A densidade se refere à quantidade de vezes que a palavra chave aparece no texto do site em comparação ao número total de palavras.

Landing Page

A Landing Page ou página de conversão é uma página que o usuário acessa depois de clicar em um link de outra página, banners de propaganda, anúncios, etc.

Link Building

Pratica comum na otimização utilizada para aumentar o valor de seu site e a classificação dele nos mecanismos de busca.

Meta Description

A meta description é um resumo do site codificado em HTML e visível apenas para os mecanismos de busca. Ela é usada para descrever de forma breve o conteúdo do site.

Otimização / SEO

É o uso de técnicas específicas para melhorar o posicionamento do site nos mecanismos de busca e aumentar o tráfego de visitantes.

Page Rank

Um dos termos mais comuns na otimização, refere-se à classificação numérica de um site projetada pelo Google e varia entre 0 e 10.

Esta classificação mostra a importância que o Google dá a uma determinada página.

PPC (Pay Per Click)

Pagamento por clique é um sistema de publicidade no qual o proprietário de um site só paga quando alguém clica no anúncio.

Atualmente uma das formas mais populares de direcionar o tráfego para o seu site.

Robots.txt

Arquivo de texto que informa aos mecanismos de busca o que deve e o que não deve ser incluído nas páginas de pesquisa.

Search Engine Marketing – SEM

O SEM é um SEO em larga escala que inclui métodos de publicidade pagos.

URL

Endereço da web. URL significa Uniform Resource Locator e cada site tem uma URL própria: www.suacampanha.com

Estes foram alguns termos utilizados pelos profissionais de SEO, não são todos, mas acredito que sejam os que mais despertam curiosidade.

Se tiver algum termo que não conste aqui, mas que você queira saber o que significa, é só perguntar.

Anúncios

Formas de marketing politico que afastam os eleitores (parte I)

Marketing Político no Espírito Santo

1 – Interagir com eleitores errados

Teoricamente existe um conceito de que o candidato deve gostar de seus eleitores, isso é muito bonito, no papel, mas a realidade é diferente.

Alguns candidatos simplesmente não conseguem interagir com determinados tipos de eleitores, isso é a vida real, ninguém é obrigado a gostar de todo mundo.

Em alguns casos o candidato se esforça para demonstrar simpatia, para se interessar por determinados tipos de eleitores, mas em muitos casos seu esforço acaba se tornando visível e prejudica a campanha.

O objetivo do Marketing político não é puxar os eleitores para o seu lado, mas fazer com que eles se aproximem por livre escolha, seduzi-los.

Enquanto a maior preocupação for quantidade e não qualidade, você o risco de acabar perdendo eleitores por não saber interagir com eles.

E, é claro, os adversários agradecem.

Neste caso uma boa pesquisa, uma boa análise dos eleitores, pode ajudar a selecionar aqueles que são mais próximos ao perfil de pessoas com as quais o candidato se relacionará bem.

Estes, desenvolvendo uma boa relação com o candidato, automaticamente se tornarão divulgadores da mensagem da campanha e, por sua vez, irão utilizar de táticas semelhantes (instintivamente) para conquistar novos seguidores.

Se sua equipe de Marketing insiste em fazer com que você se relacione pessoalmente com todos os tipos de eleitores, cuidado, você pode estar jogando o dinheiro de sua campanha fora e ainda contribuindo com os adversários.

Antipatizar com um candidato é direito de todo eleitor, mas como a equipe de marketing vai lidar com isso é responsabilidade do candidato.

2 – Fazendo promessas impossíveis de cumprir

Nada afasta mais eleitores do que promessas não cumpridas ou promessas obviamente impossíveis de serem cumpridas.

Atualmente o candidato que pensa que o eleitor não está interessado em programas de governo ou que é possível criar um programa de governo utópico e fazer os eleitores acreditarem na veracidade dele, deve repensar essa tática.

Hoje, com o acesso à internet e às redes sociais, veremos muitos eleitores discutindo programas de governo entre si. O tempo em que a política era unilateral, em que os políticos diziam uma coisa em cada bairro da cidade, muitas vezes contradizendo-se a cada quarteirão, acabou.

Ao projetar seu programa de governo, pense nisso.

Ao invés de prometer mundos e fundos, procure ouvir seus eleitores, descubra o que eles esperam, pesquise.

A parte mais importante do Marketing Político é saber ouvir.

3 – Utilizando ou não o que você sabe

O simples fato de ouvir o que os eleitores desejam, não significa que você deva transformar estes desejos em discursos radicais.

Lembre-se de que os eleitores muitas vezes constroem seus planos de vida em torno do que acreditam. Isso inclui promessas políticas.

Dizer a eles que você vai fazer o que desejam e depois ignorar isso durante quatro anos é como desistir de sua carreira política já no início da campanha.

Limite-se a oferecer aquilo que você sabe que poderá entregar, seja honesto, mesmo que isso não contente a todos. Explique as limitações que o cargo impõe e que não pretende prometer nada além do que poderá cumprir.

Pelo menos os eleitores saberão que podem confiar em você e isso é muito mais do que muitos deles esperam de políticos atualmente.

4 – Ignorando eleitores

Respeito e confiança são coisas importantes, mas muitos políticos cometem um erro tolo.

Uma vez que se sentem confiantes de sua vitória, ou que sentem que em determinada comunidade eles não tem a menor chance, o candidato passa a ignorar aqueles eleitores e partindo em busca de novos.

A conquista de eleitores é, evidentemente, o objetivo da campanha, mas, nunca se esqueça que da mesma forma que você os conquistou pode perdê-los para um adversário mais simpático, mais carismático ou mais oportunista.

Muitas vezes o eleitor conquistado hoje, pode mudar de idéia amanhã e ser conquistado novamente no outro dia.

Campanha é uma batalha constante, não a perca apenas por se sentir confiante demais.   

Que saber mais a respeito de um bom planejamento de campanha online? acesse www.suacampanha.com e consulte-nos

Boa sorte!

Facebook: Registro de doadores de órgãos parte II – O tráfico

Doação de órgãos - Facebook

No post anterior com relação a este assunto: Facebook: Registro de doadores de órgãos – Parte I , eu falei sobre o aumento do número de cadastro de doadores de órgãos em uma instituição na Califórnia/US.

Pois bem, sem dúvida a inciativa do Facebook ao inserir o recurso “doador de órgãos”, pode, e deve , ser considerada louvável. A intenção é excelente.

Mas, como dizia minha avó, de boas intenções o inferno está cheio…

Assim, analisemos os contras desta novidade:

Tráfico de órgãos

O que sabemos sobre o tráfico de órgãos no mundo?

O suficiente para termos conhecimento de alguns casos de pessoas que vendem os próprios rins em troca de um iPad? “Rapaz que vendeu rim para comprar iPad e iPhone…”

Vocês podem achar que é um caso à parte, mas eu tenho minhas dúvidas.

Houve uma época em que a venda de sangue era algo bem corriqueiro no Brasil e mesmo nos dias atuais, na china, um livro “Crônica de um vendedor de sangue” fez sucesso por denunciar a rede de tráfico de sangue na China.

Certo, vocês ficariam surpresos ao tomarem conhecimento de que em 2010 a revista Isto é publicou uma tabela de preços de órgãos?

  • Coração = R$ 100 mil
  • Córnea = R$ 20 mil
  • Rim = R$ 80 mil
  • Fígado = R$ 30 mil
  • Pulmão = R$ 60 mil
  • Pâncreas = R$ 30 mil
  • Cadáver = R$ 30 mil

Ainda de acordo com a revista Isto é:

“Organizações como a de Elilda, amparadas em números da ONU, calculam que a máfia do tráfico de órgãos movimenta no mundo entre US$ 7 milhões e US$ 12 milhões ao ano. Na maioria dos casos os traficantes comercializam na internet”.

Pensando nisso, vamos voltar ao Facebook e seu maravilhoso e humanitário recurso.

A facilitação do acesso de traficantes de órgãos à doadores é perigosa. E eu não estou falando da possibilidade da facilitação de crimes com o objetivo de conseguir estes órgãos.

Não, eu estou falando sobre a sedução de obter R$ 80 mil por um de seus rins.

Parece terrível? Impensável? Será que é mesmo?

Muitas matérias já foram feitas sobre transplantes de órgãos de pessoas vivas.

Familiares, amigos, cônjuges e, é claro, pessoas com problemas financeiros que veem um rim como algo descartável, uma vez que temos dois.

O garoto do iPad já não deve pensar assim.

Enfim, o cadastro de “doador de órgão” do Facebook pode ser algo bem intencionado, mas precisamos tomar cuidado com o uso que as pessoas acabam fazendo de nossas boas intenções.

Eu pensaria duas vezes antes de me cadastrar.

Analise o seu site você mesmo.

Como saber se o seu site precisa de otimização? Uma análise profunda por ser feita através de programas e sites específicos, mas você pode seguir alguns procedimentos e ter uma noção de como anda o seu site.

Comece abrindo a página inicial de seu site, experimente fazer isso em todos os navegadores mais utilizados pelos usuários (Google Chrome, Mozilla Firefox e Internet Explorer), em seguida responda às questões abaixo e descubra por si mesmo o quanto o seu site precisa de otimização.



Ainda na página principal, tente pensar como um cliente e pense em algo que queira encontrar no site.

Verifique se o caminho até o que você deseja é fácil ou se existem dificuldades para encontrar o que o usuário busca.

Agora siga para a página de produtos/serviços.



Página de informações sobre a empresa:

As perguntas comuns a todas as páginas são:

Finalmente, feche o site e pergunte a si mesmo:

“Você voltaria a este site?”

Não responda a mim, responda a si mesmo e seja honesto. Nem sempre é fácil assumir que estamos errando em algo, mas a questão aqui é dar o primeiro passo para corrigir estes erros.

Depois de fazer sua própria analise, sugiro que deixe seu comentário sobre este sistema.

Se quiser uma análise mais profissional e gratuita, entre em contato comigo:

www.suacampanha.com

Você quer seguidores ou clientes?

Uma coisa importante ao efetuar o SEO do seu site é pensar exatamente onde você pretende colocar o botão “contato” ou “fale conosco”. E os botões de links com as redes sócias? Muitos proprietários de sites colocam estes botões no alto de cada página, dando a eles um espaço destacado.

Quando sugiro que modifiquem isso, que coloquem estes botões em uma barra lateral ou no rodapé, eles acham estranho, então, eis a pergunta:

Você quer seguidores ou clientes?

É um problema comum que acontece com muitos proprietários de sites. Eles estão tão preocupados em conseguir amigos / seguidores / fãs que esquecem do verdadeiro objetivo do site, que é converter visitantes em “leads” (futuros clientes) ou clientes.

Então a menos que o seu objetivo seja realmente aumentar os número de contatos em suas redes sociais, você deve começar a pensar em modificar algumas coisas e ser mais objetivo com relação ao que quer.

Mas se as Mídias Sociais são apenas uma forma de você obter mais visitantes e convertê-los em clientes, dar destaque aos botões de Redes Sociais é um desperdício de espaço útil.

Então que tal substituir os botões das redes sociais no alto das páginas em algo mais objetivo, que leve o visitante a agir?

É claro que você quer que seus visitantes curtam sua página no Facebook, mas o ideal é que o sistema seja Facebook – Curtir – Site e não Site – Curtir, Facebook. Quer dizer, eles podem entrar no site vindos do Facebook, mas porque enviá-los de volta?

Quando o interesse deles é voltado para o botão de rede social no alto da página, eles estão se afastando do “seu” objetivo, isso significa que você está perdendo seus clientes por não saber direcionar o interesse deles para o lugar certo.

Existem comentários de que a Mídia Social está substituindo o SEO, mas na verdade os dois estão mais ligados do que a maioria dos proprietários de site imaginam.

Você não precisa escolher entre um e outro, a maioria das campanhas bem sucedidas de Marketing integram ambos. Um conjunto de estratégias com todos os ingredientes para uma campanha vencedora.

 

E-book: Pequenas empresas, o que fazer online?


Muitas pequenas empresas estão perdidas na internet, algumas têm sites que nos fazem suspirar de tristeza (e algumas pessoas realmente se autodenominam “web designer”). Algumas têm bons sites, visualmente dinâmicos, agradáveis e com uma quantidade de informações que variam de quase nada a uma enciclopédia de coisas inúteis.

Ter um negócio que funcione também na internet é mais do que colocar um site online e esquecer dele, é mais do que ter em seu cartão de visitas um endereço eletrônico, é mais do que “estar na internet”.

Fazer um negócio funcionar na internet pede participação, atividade e atualizações constantes, interação com os clientes, estratégias de Marketing Digital, participação nas Mídias Sociais entre outros fatores importantes.

Enquanto analisava alguns sites fiquei imaginando se os proprietários dos sites, e das respectivas empresas, teriam alguma noção de quanto dinheiro estariam perdendo, ou se estes empresários utilizariam algum tipo de marketing não virtual para divulgar seus produtos e serviços. Claro, a propaganda é a alma do negócio, mas será que eles fazem alguma idéia da grande oportunidade que estão perdendo? Acho que não.

Então decidi escrever este livro para oferecer, a quem se interessar, a oportunidade de entender essa nova forma de divulgação e quais os benefícios ela pode trazer para os seus negócios.

Espero que goste, é minha primeira experiência e gostaria muito de oferecer um livro que realmente ajudasse você.

Clique no link e baixe o livro. Pequenas empresas, o que fazer online?

Algumas dicas de como promover o sua empresa no Twitter

 

Náo há dúvidas de que atualmente o Twitter é uma das melhores ferramentas para promoção online. É uma forma segura de atrair pessoas para o seu site. Pode ser usado para encontrar seguidores específicos, fazer promoção de produtos, serviços, eventos e etc. divulgar novos posts no seu Blog, etc.
Estas são algumas dicas de como você pode usar o Twitter para promover o seu negócio e aumentar o tráfego no seu site.

1 – Como direcionar tráfego para o seu site

Atualmente o número de usuários do Twitter ultrapassa 33 milhões, apenas no Brasil. Isso lhe dá um público razoavelmente grande, concorda? O importante é encontrar pessoas que realmente se interessem pelo seu negócio.

Procure por pessoas que tenham interesses semelhantes aos seus, pessoas que comentem os mesmos assuntos, que falem sobre os mesmos temas. Estes são os alvos que você deseja. Quando encontrar essas pessoas, siga-as, tente se envolver em assuntos que lhes interessem, assim que eles perceberem que você tem algo interessante a oferecer, seja produto ou conteúdo, eles o seguirão de volta.

Lembre-se, seu interesse é aumentar seus seguidores, mas na área de seu interesse, pessoas que possam realmente se interessar por seu site, por seu negócio, então quando você postar um Tweet com um novo conteúdo, será mais fácil obter respostas, ou direcionar as pessoas ao seu site.

2 – O Blog e o Twitter de mãos dadas

O Twitter é a ferramenta certa para promover seus post. Uma das melhores formas de se fazer isso é inserindo um link visível na página inicial do seu Blog ou um dos botões “Twitter” e “Follow”, isso irá direcionar tráfego desejado  a página da sua conta Twitter o que permitirá que as pessoas o sigam e mantenham-se atualizados sobre os seus conteúdos.

Você também pode inserir uma caixa com os seus “tweets recentes. É uma excelente forma de exibir seus tweets para os visitantes recentes do seu site.

Outra excelente forma de utilizar o Twitter em seu Blog é oferecer links de compartilhamento. As pessoas podem se sentir estimuladas a compartilharem assuntos ou produtos que achem interessante se o processo for facilitado para elas.

Então neste caso… Não esqueça de compartilhar este post!

3 – Twitter para auto promoção

Como já comentei antes, existem muitas pessoas no Twitter, portanto é importante que você tente se destacar. É aqui que a criação de uma “identidade” é necessária. Isso a longo prazo irá beneficiar seu site.

Para começar, escreva uma curta autobiografia, que vai aparecer no seu perfil do Twitter. Esta “bio ajuda as pessoas a entenderem você, ou o seu negócio. Isso pode parecer simples, mas você deve dar uma atenção especial a esta etapa. A quantidade de espaço é limitada, por isso é importante, realmente importante que você aproveite cada detalhe.
O grande ponto da auto-ptomoção é, não ria, auto-promover! Não deixe de twitar frequentemente sobre o seu negócio, dicas interessantes sobre temas que ligam as pessoas a você, notícias de sua região, promoções de produtos, etc.  Assim você mantém seus seguidores atualizados.

Um dica importante é que você vez por outra promova conteúdo de outras pessoas também, dentro da sua área de interesse e da área de interesse dos seus seguidores. Por ser um jornal local, um link do clima tempo sobre sua região, um post interessante, um e-book. Seus seguidores podem se interessar em mantê-lo como fonte de informações relevantes sobre determinado assunto.

4 – Não faça rodeios!

Você tem apenas 140 caracteres para expressar o que quer. Isso quer dizer que se você não for direto ao ponto acabará perdendo o objetivo.

Ah, sim, fácil dizer, difícil fazer. Mas tudo é uma questão de prática. E a prática, todos sabemos, pode nos levar a perfeição. Então, se no princípio tiver problemas com a restrição de número de caracteres, não se preocupe, analise, tente, logo você vai tirar isso de letra.

Não se esqueça de que é sempre bom guardar espaço para links e categorias “hash tag”. Você pode usar encurtadores de links, como o bitly.com. Tome cuidado para não usar “hash tagas em excesso.

5 – Seja sociável

Seja qual for a sua área, o Twitter tem uma grande quantidade de comunidades sobre ela, neste caso interaja com as pessoas e deixe seu nome registrado. Faça amigos, faça perguntas, participe de conversas, re-tweet outras informações de interesse dos outros. Você não pode esperar que o seu número de seguidores aumente sem interagir com as pessoas.

Me impressiona ser seguida por pessoas que nunca tem nada a me dizer, essas pessoas podem estar seguindo milhares de outras, mas nunca se preocuparam em interagir com qualquer um deles.

Isso pode ser bom para quem tem pouco interesse no Twitter, mas se você quer promover um negócio, esqueça, não vai funcionar se você não tiver interação.

6 – Leia o que seus seguidores estão dizendo

O Twitter é ótimo, mas o melhor dele é sem dúvida o fato de poder ser usado para melhorar seu marketing e, o que é ainda melhor, DE GRAÇA!

Você pode testar a reação do público em tempo real e ver se seu sistema de negócios está ou não funcionado. Pergunte a seus seguidores o que eles gostariam ou esperam de sua marca, seu produto.  Qualquer coisa que queira saber, você pode e DEVE perguntar aos seus seguidores. Só não esqueça de realmente dar atenção ao que eles dizem.

7 – Seja direto e honesto

Se você for falar do seu negócio, ou sobre qualquer outra coisa, seja honesto. Minha mãe costuma dizer que:  “Você pode enganar algumas pessoas por algum tempo, muitas pessoas por pouco tempo, mas nunca conseguirá enganar todos os tempo todo”. Então não adianta tentar ser desonesto, cedo ou tarde você será descoberto e, acredite em mim, no Twitter, sua mentira será divulgada em menos de 24 horas a todos os seus seguidores. Então, se quiser manter sua credibilidade, seja direto e honesto em suas informações. A confianças é algo difícil de se conseguir, mas muito fácil de se perder.

8 – Use um fundo personalizado

Pode parecer tolice, mas isso permite que você se destaque.

Use sua logomarca, use o plano de fundo ou as cores do seu site, forneça endereço, links promocionais, etc.