18 dicas de estratégias sociais de fim de ano

festas-de-fim-de-ano

Dezembro é o mês da contagem regressiva para os eventos, Natal, Réveillon, férias, Carnaval…

Aqui vão algumas ideias para você utilizar em suas estratégias para a segunda quinzena da dezembro:

  1.   Crie uma hashtag temática no instagram e incentive o seu público a postar fotos usando sua hashtag;
  2. Mantenha a foto de capa do seu Facebook voltada para os temas de final de ano, férias e carnaval;
  3. Crie uma oferta, promoção ou enquete para os feriados.
  4. Compartilhe conteúdo exclusivo com seus fãs. Que tal um infográfico sobre fatos que marcaram o ano, como a evolução do relacionamento de sua empresa com os clientes nas mídias sociais?
  5. Inove, publique vídeos de agradecimento aos seus clientes no YouTube;
  6. Compartilhe receitas originais ou pelo menos interessantes para as festas;
  7. Estimule seus usuários a compartilhar momentos inesquecíveis de férias ou festas de final de ano;
  8. Utilize as miniaturas do Facebook para incorporar temas dos feriados;
  9. Seja criativo, transforme o logotipo da sua empresa em uma imagem que represente o Natal;
  10. Faça uma contagem regressiva para o Natal e/ou Réveillon;
  11. Inicie uma competição no Facebook e ofereça um brinde de Natal para seus clientes;
  12. Crie uma lista de presentes com os produtos de sua empresa;
  13. Publique um post agradecendo a seus clientes, fãs e seguidores pelo apoio no ano que está terminando;
  14. Mantenha seus clientes informados de quaisquer participações de sua empresa em movimentos filantrópicos;
  15. Crie um álbum de fotos para publicar as fotos das festas de final de ano de sua empresa.
  16. Ofereça prêmios para os clientes compartilharem vídeos contando experiências que tiveram com seus produtos;
  17. Lance um concurso de causos de Natal com direito a brindes e publicação no blog a sua empresa;
  18. Ofereça prêmios para a melhor frase sobre sua empresa/produto/marca no Twitter, aproveitando para utilizar o nome de sua empresa/produto/marca como hashtag;

Enfim, existe muito mais coisas que você pode fazer para aproveitar as festas de final de ano como uma forma de se aproximar ainda mais de seus clientes.

Nesta época as pessoas esperam por inovações e estão abertas a uma interação mais ativa.

Descubra formas de transformar este período em um forte aliado para suas campanhas de Marketing.

E, se quiser, compartilhe conosco suas inovações.

Boa sorte e desde já, um Feliz Natal!

Anúncios

Dicas para melhorar seu desempenho nas Mídias Sociais – Twitter

Twitter

Se você já está utilizando as Mídias Sociais algumas dessas dicas não serão novidade, mas se você está apenas começando, vale a pena ler essas dicas.

Twitter

Envolva-se

Não adianta nada enviar uma enorme quantidade de Tweets e não responder a nenhum.

Interaja com seus seguidores e, ainda que mais de um tenha feito a mesma pergunta , procure respondê-los individualmente. Ninguém gosta de respostas genéricas.

Se você consegue transmitir sua mensagem de forma clara e sincera e eles gostam do que você tem a oferecer, as chances de você conseguir retweets são maiores.

Hashtag

Vocês está familiarizado com esta expressão? O símbolo # significa alguma coisa para você (além de um jogo da velha, é claro), não? As Hashtags são como palavras chave para o Twitter, se você as coloca diante de uma palavra ou URL, o Twitter a transforma em termo de pesquisa.

Que diferença isso faz para você?

Bem, quando um pessoa que nunca ouviu falar da sua empresa, ou de você, digita a palavra definida por você como Hashtag, na área de pesquisa do Twitter, ela receberá todos os resultados que contenham este símbolo #, e mesmo que não sejam sua seguidora, essa pessoa poderá acessar seu Tweet e, quem sabe, não decida por segui-lo?

Utilize um sistema de gerenciamento

Utiliza sistemas como o Hootsuite, MarkeMeSuite ou Buffer para agendar suas postagens.

Com a configuração certa você pode enviar seus posts diretamente para as Mídias Sociais e ser alertados sobre RT, Menções ou Mensagens diretas.

Isso poupa tempo e esforço.

Mantenha seu perfil sempre atualizado

Mesmo que seus seguidores leiam apenas seus Tweets e não sua biografia, é sempre bom mantê-la atualizada.

Pense nisso como uma garantia de que se alguém quiser poderá consultar sua biografia e saber mais sobre você ou sua empresa.

Utiliza suas listas

As listas do Twitter são práticas para selecionar seguidores e direcionar promoções e ofertas especiais para seu clientes.

Monitore

Monitore quais os seus seguidores realmente estão interessados e participando dos seus Tweets, você pode fazer isso através das hashtags, mensagens, menções e RTs.

Quando identificar os seguidores mais interessados, dê a eles uma atenção especial para estimular a continuidade.

Pergunte

Obtenha comentários e a interação de seus seguidores fazendo as perguntas certas.

Perguntar é a melhor forma de saber o que você está fazendo de certo ou errado, o que eles esperam de você ou de sua empresa e, principalmente, mostrar que você está ouvindo o que eles dizem.

Acredite, você pode conseguir informações valiosas dessa forma.

Não seja egocentrico

Falar apenas de você ou de sua empresa é o caminho certo para perder seguidores, então leia o que seus seguidores estão dizendo, compartilhe seus links, dê RT em alguns de seus comentários.

Isso faz com que você não seja apenas mais um na lista deles, mas alguém que realmente se interessa. Além disso é uma ótima forma de expandir seus contatos.

SAC

Criar um conta para que seus clientes e seguidores possam se informar sobre seus produtos ou serviços,  um Serviço de Atendimento ao Consumidor via Twitter é uma excelente forma de interagir com seus clientes.

Acredite eles vão realmente apreciar saber que podem contar com um serviço desses e possivelmente irão divulgar isso.

Boa sorte!

O que fazer para Otimizar o uso do seu Twitter

twitter

Ter uma conta no Twitter é fácil, rápido e gratuito, mas, como aproveitar tudo o que esta Mídia social tem para oferecer?

Conheça alguns detalhes sobre o Twitter:

Terminologia básica:
TWEET– Mensagens com até 140 caracteres que são postadas e públicas.

Todas as mensagens, com exceção das DM, são de domínio público no Twitter.

DM – Mensagem Direta. As DMs são mensagens privadas apenas entre as pessoas que estão se correspondendo, no entanto você precisa: 1) Seguir e ser seguido pela pessoa para poder enviar uma DM; 2) Especificar que se trata de uma DM antes de enviá-la.

RT – Retwitar. Esta ferramenta é uma das que mais interessa àqueles que possuem negócios na internet. O Retweet é uma forma de divulgar a mensagem original aos seus seguidores. A fonte de origem da mensagem sempre deve ser citada: Por exemplo, se eu escrevi: “Desejo a todos um excelente final de semana”. Um Retwitar apareceria como: RT @suacampanhaonline “Desejo a todos um excelente final de semana”
O objetivo é incentivar os outros usuários a retweetarem sua mensagem e assim, expandir seu alcance.

# – Hashtag. As hashtags são colocadas na frente de uma palavra ou conjunto de letras para permitir a divulgação daquele assunto específico. Por exemplo, se você está twitando sobre Marketing com outras pessoas, você pode usar #Marketing. Isso se torna um link na sua mensagem e, quando clicado irá exibir todos os tweets usando essa hashtag.

# FF – Follow Friday / Siga sexta-feira. Esta é uma maneira de mostrar apoio a outros usuários. É claro, apenas às sextas-feiras.

10 dicas para otimizar o uso do Twitter:

1. Se possível use seu verdadeiro nome real
Isso faz com que fique mais fácil encontrar você no Twitter.

2. Não deixe de colocar uma imagem no seu perfil
O ideal é que seja uma imagem sua (ou logo da sua empresa). As pessoas tendem a se sentir mais a vontade se reconhecem a imagem que veem.

3. Coloque um link para seu site o seu perfil
Se você tiver um blog ou site, você pode e deve colocar um link para ele em seu perfil, de forma que todos possam acessá-lo através deste link.

4. Fale sobre você
Torne sua biografia interessante. Escolha um texto fácil e divertido, ou use o slogan de sua empresa, de forma que as pessoas, ao lerem, reconheçam quem é você.

5. Tweet regularmente
Não é fácil? Talvez, mas é sem dúvida a chave da autopromoção. E não tem importância se você tem apenas 2 seguidores e um deles é a sua mãe, você ainda precisa de publicações diárias para fazer a diferença.

Caso você não tenha nada de interessante para dizer, utilize o RT e compartilhe algo diferente, engraçado ou útil.

A outra opção é conectar seu blog à sua conta no Twitter, assim cada post que você inserir no site será automaticamente publicado no Twitter.

6. Informações Relevantes

Por favor, não pense que ser regular em suas publicações é sinônimo de informar cada passo seu. “Almoçando salada russa” ou “Saindo pra uma caminhada”, isso não é interessante, nem relevante.

Mas… Se esta caminhada fosse em companhia da Xuxa… Pode twitar a vontade, você merece!

7. Criando links sem vínculos
É muito útil inserir links, mas tome cuidado para que as pessoas não comecem a achar que você quer apenas vender seu produto. Para isso a interação é muito importante.

8. Seja você mesmo
Ainda que o perfil pertença a sua empresa, é importante que as pessoas saibam que por trás desse perfil existe alguém de carne e osso. Você não precisa ser engraçado ou inteligente. Não precisa citar Shakespeare ou Chico Anísio.

O objetivo do Twitter é “conexão” entre as pessoas, então, seja você mesmo e aproveite, você pode até achar divertido.

9. Nem sempre vale apenas seguir todos que te seguem

Para algumas pessoas a quantidade é tudo, mas na verdade deveríamos ficar de olho na qualidade. Você não tem que seguir todos os que te seguem, até porque com programas de “Seguir” disponibilizados na internet, muitos do que te seguem sequer estão interessados em você. Então, meu conselho: Siga apenas pessoas que tenham relevância para você ou para o seu público.

10. Comunicação
No Twitter tudo é comunicação, então, se alguém falar com você ou RT sua mensagem, não se esqueça de responder ou agradecer. As pessoas gostam de saber que estão fazendo diferença. Aposto que você também gosta!

Marketing Político – Noções básicas do Twitter para sua campanha

Twiter nas eleições

Um tweet se mal utilizado pode causar m estrago considerável em sua imagem, acompanhar notícias, engajar seguidores, divulgar sua campanha… São inúmeras as vantagens de se usar o Twitter em uma campanha política digital.

Mas escolha carinhosamente a pessoa que irá representa-lo nos tweets e leve em consideração, candidato, que para conquistar seguidores e eleitores ativos, que irão ajudar a divulgar sua campanha, você não pode entrar no Twitter uma vez por semana apenas para tuitar: “Tenham um bom final de semana!” ou “Boa semana para todos”.

Isso não conquista seguidores, irrita-os.

Também não é muito inteligente enviar tweets para seus seguidores, falando apenas sobre “suas” conquistas, leis implementadas por “você”, eventos dos quais “você” participou e etc.

Em algum momento os eleitores irão começar a se perguntar se você se preocupa com algo além de você mesmo.

Informações sobre a cidade, estado, país, notícias importantes compartilhadas, isso mostra ao seu seguidor que você se interessa pelas mesmas coisas que ele, ou, pelo menos, que se interessa pelo interesse dele.

Essa história de perfis que tem 12 mil seguidores e segue apenas 12 pessoas é muito bom para as celebridades.

Políticos que não seguem seus seguidores estão:

  1. Correndo o risco de perder esses seguidores;
  2. Deixando de interagir com pessoas que estão ali em busca de interação;
  3. Correndo o risco de ter seus eleitores seguido outro político, que lhes seja mais acessível.

O sistema de “apenas ser seguido” é interessante quando você não espera nada da pessoa que o segue, mas, se você quer conquistar o voto dessa pessoa, ou mesmo lhe vendar algo, não pense em si mesmo como uma celebridade.

Se você ainda não tem uma conta no Twitter, faça agora mesmo, mesmo que ainda não tenha decidido se irá ou não usá-lo. Lembre-se que a escolha de nome é livre e que você pode ter mais de uma conta, assim, antes que o seu adversário registre uma conta com o seu nome.

Cadastre-se! Depois você decide o que vai fazer em seguida.

Se você já tem uma conta pessoal, use-a, mas você também pode optar por uma nova conta, utilizando um @nomedetwitter relevante para sua campanha, como: @vitória2012 ou @piúmamelhor. Se optar por uma conta de campanha, lembre-se que depois das eleições você não poderá ar continuidade a ela a menos que a transforme em uma conta de interesse público. Mas caso você use o seu número de candidato, esqueça. Trate de comunicar aos seus eleitores o motivo de ter que desativar a conta e tente trazê-los para sua conta pessoal.

Use a bio para dizer algo relevante para o eleitor sobre você. Na política é sempre bom você ter algo que o diferencie de adversários e mesmo de aliados.

Use como avatar uma imagem relacionada à sua campanha, seu número de candidato ou slogan. Personalize o papel de fundo do seu Twitter, isso é um excelente jogo de marketing, utilize imagens de seu município ou fotos de eventos importantes. Lembre-se, esta imagem pode ser atualizada até mesmo diariamente, se você quiser.

Atualize… Atualize… Atualize…

Por mais que eu insista, não será suficiente, mas vamos tentar de outra forma:

No Twitter, se você não mantém seu perfil atualizado no mínimo seis vezes ao dia, você está fora do Twitter e nem sabe.

Acredite a atualização é o ponto chave da interatividade, se você não consegue manter isso, esqueça uma campanha eleitoral no Twitter.

Seus adversários também podem adicionar você… Se fizerem isso, dê a eles motivos para se preocuparem e não para se alegrarem.

Enfim, não se esqueça, o Twitter é uma ferramenta entre muitas outras que estão à sua disposição na internet.

Selecione as que mais se parecem com o seu público e utilize-as.

Boa sorte!

Marketing político digital nas cidades pequenas

O mais importante ao se iniciar uma campanha política digital é definir o publico alvo.

Não adianta sair atirando em todas as direções, enviando todo o tipo de mensagem a todos os amigos, conhecidos e seguidores, é preciso saber se a mensagem vai realmente interessar àquele eleitor ou se ele vai, mais cedo ou mais tarde, acabar classificando seus e-mails como spam, apenas por não terem interesse na maioria das mensagens.

Imagine o político em um comício, cercado de jovens de 16 a 22 anos, falando sobre economia,  quanto tempo você acha que o público continuará ouvindo?

O mesmo acontece na internet, sendo que ao invés de saírem da conversa, o eleitor que classificar os e-mails do político como spam, poderá acabar perdendo alguma informação importante e de seu real interesse.

Como evitar isso?

Selecionando o público alvo e o tipo de mensagem a ser enviado para cada um.

Os tipos de Mídias Sociais selecionadas para as ações do candidato também são importantes, alguns imaginam que apenas estar no Facebook é suficiente,  afinal o Face é a Rede Social do momento, certo?

Errado.

A escolha das Mídias Sociais está diretamente ligada à classificação do público alvo e neste caso e importante ter uma noção de quais as Redes Sociais fazem mais sucesso em sua cidade.

Atualmente ainda aposto mais no Orkut. Apesar de todos os protestos dos usuários do Facebook e afirmações de que “O Orkut está morto”. Eu ainda vejo uma quantidade razoável de usuários ativos que podem ser primordiais em uma eleição municipal.

O eleitor de cidades pequenas nas Mídias Sociais são, em sua maioria, jovens entre 16 e 24 anos e esse ainda é o maior grupo de usuários do Orkut.

O conceito de classes x Redes Sociais, embora possa parecer discriminatório, é valido também.

Qualquer candidato de cidade pequena sabe que o eleitor realmente relevante é o das classes C e D.

Os jovens que utilizam a internet com objetivos especificamente sociais; jovens formadores de opiniões, esse é o eleitor que realmente interessa.

Nas cidades pequenas a jovem elite não é significativa o bastante para fazer peso nas urnas, embora, em momento nenhum se deva ignorar esse público.

No entanto, voltamos à questão de mensagens específicas para públicos alvos específicos:

Não adianta comentar sobre a necessidade de melhorias nos bairros x e z com um eleitor dos bairro e e f, eles realmente não estão interessados.

Nesse caso, a classificação de público é essencial para uma boa campanha digital, assim como o é em uma campanha tradicional.

Ter conhecimento do que realmente interessa ao seu eleitor pode facilitar a comunicação e consequentemente a conquista do voto.

É importante um bom planejamento de tópicos assim como uma boa administração das Redes socais, uma vez que será através delas que o candidato desenvolverá a comunicação com  os eleitores.

Recomendo evitar polêmicas, mas na fugir de desafios.

Lembre-se de que o fato de você não responder a uma crítica, não a fará desaparecer e que, uma vez que esteja publicado na internet, ao contrário de velhos jornais, o artigo, crítica ou elogio não desaparece e às vezes continua na primeira página do Google para quem quiser ver.

O melhor mesmo é ter sempre uma estratégia de emergência e estar preparado para quaisquer eventualidades.  Para isso é necessário um monitoramento constante e cuidadoso.

Boa sorte!